Silencio




Sabe que ando sentindo falta da melancolia? Dos amores mal resolvidos, das traições do mundo, das adversidades da vida...
Sabe que falta aquele tempero, aquele furacão... uma bagunça pra eu reorganizar?
Tem faltado inspiração também e virou rotina falar sobre amor.
Quero de volta os contos onde eu vivia na tempestade e esperava sedenta pela bonança. 
Ta faltando um pouco de pimenta, um pouco de ardor. É como se eu tivesse desacostumado com a paz interior e precisasse de um pouco de confusão pra começar tudo de novo!
Sinto falta do turbilhão de emoções na cabeça, das sensações complexas e diversificadas... 
É como se eu tivesse me armado pra esperar pelo pior, nessa calmaria imensa a que tenho passado. 
As coisas nunca foram assim... por que tanto silencio?

"Quando a esmola é muita, o santo desconfia."

4 comentários:

  1. Seguindo, segue? http://moda-nofimdomundo.blogspot.com.br/

    Aqui o que não me falta é confusão, coisas para serem organizadas D:

    ResponderExcluir
  2. Olá Flor de Liz, antes de mais nada, preciso dizer que seu nome é realmente lindo! Seu blog, assim como seu nome, também é encantador. Gostei de cada texto que encontrei aqui, me encontrei em muitos deles, e senti cada palavra que você escreveu.
    Parabéns, e é claro que já estou seguindo.
    Se quiser, dê uma passadinha em meu blog. Beijão ^^
    http://daquioitentaanos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Te entendo perfeitamente! Quando a gente acostuma com as loucuras e questões mal-resolvidas se esquece de como é ter calma... Parece que falta um temperinho, né? Tudo se confunde com monotonia. Me identifiquei. rs

    ResponderExcluir
  4. Noosa , seu post me deixou bem emocionado , você ganhou um leitor , ahh obrigado por elogiar meu blog , beijos!

    ResponderExcluir

Olá! Peço para que ao final de seu comentário você deixe o link de seu blog para que eu possa retribuir a visita. Retribuo todas as visitas! Obrigada por comentar! :D

« »
_______ANALYTICS AQUI________