Pensando sobre tudo!

Sabe, a saudade sempre foi minha companheira. Ela sempre me afastou das pessoas que eu mais amava, mas assim talvez eu aprendesse a ama-las mais.
A distância, que é a melhor amiga da saudade, sempre estava ali ou mesmo que não estivesse me fazia não estar na presença daqueles que faziam minha vida mais feliz.
Sempre fui guerreira. Sempre lutei por aquilo que julgava justo, ou no caso de pessoas, lutava por quem me fazia feliz.
E assim eu fui seguindo a minha estrada... Carregando a saudade na mochila.
As pessoas sempre que me conhecem de cara me chamam de simpática. Se soubessem como eu acordo todo sábado de manhã de tanto estresse, talvez não diriam isso. Tudo é questão de convivência e com o tempo surge a intimidade. Essa sim é uma droga!
Eu fico pensando, imagina alguém me conhecer logo que acordo, pleno sábado de manhã? Com os cabelos emaranhados formando um black power e a boca travada, de cara negando um sorriso.
Em geral, você vai me ver distribuindo sorrisos, nem que sejam "meia boca".
Outra curiosidade é minha guerra contra meu cabelo. Eu sempre quero que ele pareça bonitinho e quando não está com prancha eu tento fazer coisas diferentes, tipo, trancinhas nagô. Por baixo dessa vontade de deixá-lo super liso, sem frizz nenhum, existe uma preguiça enorme de deixá-lo assim. Pouca gente sabe, mas por mim, eu já teria feito dreads há tempos!
Tudo bem, que aí sim, com dreadlocks eu seria dedicada, mas né...
As vezes me perguntam qual curso técnico faço na escola e respondo: "Informática". Mal sabem que eu já quis ser de tudo fugindo completamente dessa base, como jornalista, designer, veterinária, bombeira, DJ, fotógrafa... Principalmente os dois últimos que podem não ser profissão, mas por hobby eu com certeza vou entrar no ramo. A música sempre foi minha vida, fotografia uma paixão, então... virarão hobby!
Pois bem, deixe-me lembrar de mais uma curiosidade sobre mim.
Ah, manias todos tem. Seria chato eu contar todas as minhas. Mas uma que eu sempre cito é "dobrar a ponta da meia antes de calçar o tênis". É quase que um ritual, sabe? haha E desde pequena. Acho terrível.
Bom, acho que chega de falar sobre mim. Mas é que, não tinha mais o que fazer como dá pra perceber :B
Quis escrever e saiu isso.
Contem nos comentários suas manias, seu jeito...
Beijos e queijos para todos! :**

2 comentários:

  1. Resolví visitar seu blog Bah. E Parabéns, ele é muito bonito!
    A parte da saudade me lembrou o Cesinha, e agora como você, o tempo nos afastou também... Mas não vim aqui pra ficar triste.
    É, então, parabéns novamente :)
    Beijão!

    ResponderExcluir
  2. comentei no lugar errado. sokspoks adoro seu jeito de escrever!

    ResponderExcluir

Olá! Peço para que ao final de seu comentário você deixe o link de seu blog para que eu possa retribuir a visita. Retribuo todas as visitas! Obrigada por comentar! :D

« »